A juventude não foi feita para o prazer, mas sim para o heroísmo!

Vamos lutar pela Vida desde a fecundação até a morte natural!

Não se esqueça! A força do Mal está na fraqueza do Bem! Então vamos defender o Direito à VIDA desde a fecundação(nascituro) até a morte natural! Meus caros eleitores paulista precisamos de 300 mil assinaturas, para que estas petições sejam levadas ao Poder Público do Estado de São Paulo para que se assegure o Direito à Vida. Acesse e assine a petição: www.saopaulopelavida.com.br agora mesmo! Hoje o Estado de São Paulo! Amanhã o Brasil! Por que não depois de amanhã o mundo!?

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Para sua apreciação, análise e cometário!

Revivendo o Espírito de Natal em suas vésperas!


A agência de notícias Reuters do dia 6 de outubro noticiou que uma organização alemã composta de católicos, a Bonifatiuswerk, promove uma campanha que reacende o debate sobre quem representa o verdadeiro Espírito de Natal. Se é São Nicolau, que leva às crianças benefícios tanto espirituais como matérias ou é o seu clone (ou sósia) o Papai Noel que distribui presentes às crianças!



A campanha vem mostrando ao público alemão o perigo da substituição de São Nicolau por Papai Noel que é uma “invenção de uma indústria publicitária, visando promover as vendas”, assim o classifica a organização. Por isto está promovendo anúncios com os dizeres “áreas livres de Papai Noel”.



A importância de ressaltar a mensagem espiritual que reluz do Natal, fez com que várias celebridades alemãs aderissem a esta causa. A apresentadora de TV alemã Nina Ruege, por exemplo, se pronunciou diante do tema: “Diferentemente de Papai Noel, São Nicolau quer dar riquezas interiores às crianças, e não apenas tentar incentivá-las a lutar por riquezas materiais”.


***


Na aurora do Natal


Todos nós já fomos crianças e sempre procuramos em Papai Noel um São Nicolau! Lembra-se! Quando nossas mães começavam a montar a árvore de Natal, para nós era um sonho que se realizava. Gostávamos de ajudar mesmo diante de nossa desajeitada pequenez. Quando ela nos dava um enfeite para ser posto, passávamos a ser o próprio autor daquela obra prima! Aos pés da árvore de Natal nada se encontrava, a não ser a esperança de que um bondoso homem ali passaria e depositaria todos os nossos sonhos.



Mas é chegada a hora de tornar clara a razão deste dia! É o nascimento de Deus feito Homem, Nosso Senhor Jesus Cristo nascido da Virgem Maria em um presépio!



Nossa mãe começa com muito cuidado a desembrulhar as peças do presépio para compor o grande cenário. Intuímos que nossa ajuda ali não se faz necessária, porém um mistério rodeia aquela confecção e dá margem para fazermos aquelas perguntinhas: Por que isto? Por que aquilo? Quem é? E assim por diante. Todas elas são respondidas - com um toque de seriedade e de bondade materna. É como alguém que anda num deserto à procura de água e quando a encontra tem esta sensação: Ufa! Até que enfim encontrei! Algo disto vivenciamos no Natal.


Esta seria com certeza uma mensagem de Natal dada por São Nicolau ou pelo menos uma impressão deixada por ele, ao contrário do Papai Noel, no máximo este diria: Ho! Ho! Ho!

A involução da Sacralização do Natal!

Nenhum comentário: